Etapas do tratamento de água

No conforto das nossas casas, basta-nos rodar uma torneira para termos acesso imediato a água potável.

Mas já pensou no longo caminho que a água percorreu até chegar à sua casa?

O seguinte infograma explica-lhe passo-a-passo as várias etapas do tratamento de água:

Captação - A água bruta é captada diretamente nos rios e albufeiras (águas superficiais) ou no subsolo (águas subterrâneas). Contudo, essa água apresenta impurezas, sujidade e bactérias e, por isso, passa por um sistema de grades que impede a passagem das impurezas de maiores dimensões.

Coagulação - Este processo visa aglomerar as partículas através da adição de cal hidratada (hidróxido de cálcio) e sulfato de alumínio. A junção desses materiais faz com que as partículas de sujidade se juntem, aumentando de volume e peso.

Floculação - Aqui, a água é agitada lentamente, em solução alcalina, para possibilitar a união das partículas de sujidade, formando flocos. 

Decantação - Já com a água parada, os flocos vão-se depositando no fundo, separando-se da água e são depois conduzidos para tanques de depuração (muitas vezes transformados em adubo). A água limpa vai para o filtro de areia.

Filtração - A água já decantada passa por um filtro de areia/seixos ou carvão ativado, que retêm as pequenas partículas sólidas que ainda possam existir.

Desinfeção (Cloração e Fluoretação) - Nesta fase, a água recebe um tratamento com cloro e flúor que mata os microrganismos que possam ainda estar presentes. 

Reservatório - Responsável por armazenar a água tratada e potável, que será posteriormente distribuída para as habitações, comércio e indústria.

 

Conheça as nossas soluções para tratamento de água que atuam em todas as etapas do processo.